Estudos Clínicos

O departamento de Estudos Clínicos constitui um apoio firme para a indústria farmacêutica, através do seu trabalho ao nível da investigação, desenvolvimento e inovação que esta indústria promove. Para isso, incorporou os standards máximos de qualidade no seu trabalho, alcançando um elevado grau de fiabilidade e eficácia.

Este departamento está composto por quatro unidades: Estudos Clínicos Fase I, Estudos Clínicos Fase II-IV, Toxicologia e Bioanálise e Farmacogenética. O seu serviço abrange grande parte dos períodos do Desenvolvimento Clínico de um medicamento. Entre os seus principais campos de actuação, destacam-se os ensaios clínicos multicêntricos, com o apoio do Laboratório central. Outras áreas importantes são a Farmacogenómica, que estuda os poliformismos genéticos, microssatélites ou modelos in vitro; e a Bioanálise-Farmacocinética, que realiza análises quantitativas de fármacos e dos seus metabólitos em matrizes biológicas.

Tudo isto utilizando uma tecnologia de vanguarda como é o caso da cromatografia de líquidos adequada à espectrometria de massas (LC-MS/MS), PCR em tempo real qualitativa e quantitativa, e todo o equipamento técnico e analítico do laboratório central.