Requisição de material para o transporte das amostras

ACUMULADOR TÉRMICO

Mantém as amostras refrigeradas durante o transporte até ao  Laboratório

Quando o serviço de recolha é realizado pelo pessoal do Echevarne, não é necessario utiliza-lo.

CONTENTOR DE CONGELADOS (PETACA)

Recipiente com capacidade para transportar dois tubos em condições de congelação.

Amostras: Plasma citrato coagulação, Ácido láctico, Amoníaco, Cálcio iónico, SDH, ACTH, Gastrina, Insulina Basal, PTH intacta, Provitamina A, Vitamina A, Vitamina B1, Vitamina B2, Vitamina B6, Vitamina C, Vitamina D, Vitamina D ( 1,25 – Hidroxicolecalciferol), Vitamina E, Vitamina K1.

Não desprezar o  contenedor de esferovite, já que este ajuda a manter a temperatura do contentor (petaca) durante o transporte.
ENVELOPE ALMOFADADO PLASTIFICADO Envelope almofadado para colocar as amostras e o acumulador térmico

BOLSA DE SEGURANÇA

(ENV. BRANCO)

Envelope de plástico para enviar as amostras já etiquetado com os dados do cliente para entregar à transportadora
CILINDRO TRANSPORTE Frasco branco para proteger os tubos durante o transporte
ETIQUETAS IDENTIFICAÇÃO DE AMOSTRAS Etiquetas personalizadas para a correcta identificação da folha de solicitação da amostra
FOLHA DE SOLICITAÇÃO DE ANÁLISES Folha de solicitação de análises pré-impressa, com os códigos do cliente

FOLHA DE SOLICITAÇÃO
BIÓPSIA / CITOLOGIA

Folha de solicitação do serviço de Biópsia / Citologia
FOLHA DE SOLICITAÇÃO NECROPSIA Folha de solicitação do serviço de Necropsia

FRASCO 150 mL
FRASCO ESTÉRIL

Amostras de urina e fezes

Amostras de Anatomia Patológica: acrescentar formol al 10%

A amostra debe ficar coberta pelo formol.

FRASCO 60 mL
FRASCO ESTÉRIL

Amostras de urina e fezes

Amostras de Anatomia Patológica: acrescentar formol a 10%

A amostra deve ficar coberta pelo formol.

ZARAGATOA COM MEIO ALUMINIO

Zaragatoa estéril de aluminio com ponta de algodão e meio de cultura

Culturas microbiológicas / uretrais / culturas animais exóticos

ZARAGATOA COM MEIO

Zaragatoa estéril de aluminio com ponta de algodão e meio.

Culturas microbiológicas

ZARAGATOA SECA Zaragatoa estéril com ponta de algodão: PCR
CAIXA LÂMINAS

Caixa protectora com capacidade para duas lâminas.
Esfregaços sanguíneos e citologias

FRASCO HEMOCULTURA PEDIÁTRICO

Hemocultura aeróbios e anaeróbios

Volume a encher: 10 mL. Se não for possível,  indicar o volume de sangue introduzido

PIPETA PASTEUR PLÁSTICO  
PLASMA CITRATO PEDIÁTRICO 1.3 mL

Coagulação. Tubo com anticoagulante citrato sódico

Encher até ao sinal. Estrair o sangue, colocá-lo no tubo e agitar-lo com suavidade. Deixar repousar 30 min à tempertaura ambiente e centrifugar para separar o plasma. O plasma, extrai-se e coloca-se num tubo vazio. Deve-se guardar em condições de congelação.

PLASMA CITRATO 2.5 mL

Coagulação. Tubo com anticoagulante citrato sódico

Encher até ao sinal. Estrair o sangue, colocá-lo no tubo e agitar-lo com suavidade. Deixar repousar 30 min à tempertaura ambiente e centrifugar para separar o plasma. O plasma, extrai-se e coloca-se num tubo vazio. Deve-se guardar em condições de congelação.

TUBO EDTA PEDIÁTRICO 1.3 mL Hemogramas de animais exóticos ou animais de pequeno tamanho
TUBO EDTA 4 mL Hemogramas
TUBO HEPARINA 5 mL

Hemogramas de répteis

Também se pode utilizar seringa heparinizada

TUBO  SORO GEL
PEDIÁTRICO 1.1 mL

Amostras de soro para animais exóticos ou muito pequenos

Extrair o sangue, deixar repousar 30 minutos e centrifugar. O soro fica separado pelo gel e não é necessário mudá-lo de tubo.

TUBO SORO GEL 4 mL

Amostras de soro

Extrai o sangue, deixar repousar 30 minutos e centrifugar. O soro fica separado pelo gel e não é necessário mudar de tubo.

TUBO VAZIO COM TAMPA 1.5 mL Tubo seco para o envio de soro ou plasma separado